Surfista faz tatuagem marcando um ano de ataque de tubarão: “Há mares que vêm para o bem”

Surfista faz tatuagem marcando um ano de ataque de tubarão: "Há mares que vêm para o bem". Foto : Reprodução

Um mês depois do ataque de tubarão , que resultou em 80 pontos na perna, a catarinense Bruna Cercal, de 28 anos, fez uma tatuagem marcando na pele a frase: “Há mares que vêm para o bem”

+ De topless, Mayra Cardi exibe tatuagem delicada perto do seio
+ Terapeuta cria máscara com pênis e arrecada 50 mil dólares nos EUA
+ Britânico centenário é exemplo de sobrevivência em guerras e epidemias

A catarinense de 28 anos, decidiu fazer a tatuagem depois de um ano do ataque de tubarão que sofreu quando surfava na Praia do Bode, em Fernando de Noronha, a jovem diz ter “renascido”.

“Desde o momento do acidente, uma sucessão de acontecimentos me fizeram entender que nada acontece sem um sentido. Não posso mudar o fato de ter sido mordida por um tubarão, mas posso agradecer por estar aqui, com os movimentos intactos. Foi difícil? Sim. Mas o lado bom foi tão mais compensador. Por isso, essa tatuagem representa tantas coisas especiais e estou aqui, grata, valorizando ainda mais a vida e os bons momentos, com um – ou melhor, dois registros na minha pele”, diz Bruna en entrevista ao site da revista época.

Back to top